Por que os finlandeses são as pessoas mais felizes do mundo?

Segundo o Relatório Mundial da Felicidade da ONU, os cidadãos da Finlândia são as pessoas mais felizes do mundo. Vários critérios são levados em consideração em relação a essa classificação. Essa análise foi realizada levando em consideração a expectativa de vida, assistência social, tolerância entre residentes e estrangeiros, PIB per capita e outros critérios. Buscando a primeira posição, a Finlândia parece ser o país de escolha para quem quer viver feliz.

Eles confiam nas políticas nacionais

Advertisements
Advertisements

Uma das razões pelas quais os finlandeses são as pessoas mais felizes do mundo é que a maioria deles confia em seus líderes. Segundo o estudo, mais de 80% da população confia na polícia, o que não ocorre em vários países do mundo. Um finlandês típico sabe que aconteça o que acontecer, estruturas nacionais e locais podem funcionar a seu favor. Além disso, eles confiam em seu sistema educacional e os cidadãos se beneficiam da educação gratuita e também se beneficiam de um sistema de saúde favorável a eles.

Os finlandeses são hospitaleiros e tolerantes

Na sociedade finlandesa, existe uma certa harmonia entre os habitantes, eles se toleram e não há uma grande diferença entre os estratos sociais. O modo de vida dos ricos e o dos pobres parece não ser diferente e a distribuição da riqueza é justa, permitindo que todos tenham uma vida boa e tenham um bem-estar real. Homens e mulheres gozam legitimamente de seus direitos. Além disso, os pais aproveitam as férias de seus empregadores e cada família tem tempo para sair de férias ou participar de várias atividades de lazer. Além disso, é um país onde a vida é boa, os habitantes são hospitaleiros e se ajudam em caso de dificuldades. Existe uma certa coesão social que é difícil de encontrar em outros países do mundo.

Os imigrantes vivem em paz e segurança

Um dos critérios levados em consideração em relação à classificação é a liberdade e o estilo de vida dos imigrantes. Enquanto em alguns países são aprovadas leis para trazer todos os imigrantes de volta aos seus países de origem, na Finlândia eles têm certos direitos. A maioria dos estudantes estrangeiros se beneficia de um sistema de ensino gratuito, que lhes permite ter acesso a um treinamento de qualidade que lhes permita garantir seu futuro. Além disso, eles também podem ter um bom emprego e gozar de um bom status social. Eles não são discriminados e encontram o prazer de viver neste país. Isso mostra mais uma vez a coesão social que reina neste país e que possibilita que todos se sintam em casa. Viver em harmonia com os outros sem levar em conta as diferenças sociais, raciais e econômicas é uma verdadeira fonte de felicidade. E é isso que a Finlândia conseguiu oferecer ao seu povo.

Advertisements