Elizabeth II envia mensagem comovente de apoio ao Líbano após drama de Beirute

Advertisements
Advertisements

Enquanto o Líbano passa atualmente por uma situação trágica sem precedentes, a Rainha Elizabeth II acaba de mostrar compaixão por este país, aliado de seu reino.

Aproveitar as férias também significa apoiar seus aliados. Em todo caso, é isso que mostra a rainha Elizabeth II da Inglaterra. A rainha,  de 94 anos, deixou seu palácio para viajar para Balmoral, na Escócia, para passar as férias de verão. Mas mal chegou, ela tomou conhecimento da tragédia em Beirute. Sem esperar muito, a rainha comentou sobre o assunto em um comunicado. “O príncipe Philip e eu ficamos profundamente tristes com a notícia da explosão que ocorreu ontem no porto de Beirute” , disse ela em um comunicado publicado na rede social Twiter.

No Twitter oficial da família real, assinado por ela mesma, a soberana reafirma seu apoio e de seu marido ao povo libanês. “Nossos pensamentos e orações estão com as famílias e amigos daqueles que foram feridos ou perderam suas vidas, bem como aqueles cujas casas e vidas foram destruídas.” Seguindo-o, o Príncipe Charles e a Duquesa da Cornualha, bem como o Príncipe William e Kate Middleton, também prestaram homenagem às vítimas.

Em 4 de agosto, Beirute foi atingida por duas explosões massivas por volta das 18h, que mataram centenas e feriram quase 4.000 outras pessoas.

Advertisements
Advertisements