Golfinhos se aproximam desse nadador; Quando ele olha para baixo ele entende o porquê

Nadando em águas traiçoeiras em mar aberto, os nadadores campeões têm muito com que se preocupar. Quando esse homem foi nadar no Estreito de Cook, na Nova Zelândia, ele não fazia ideia de que estava prestes a pasar o maior medo de uma vida.

Crescendo

Advertisements
Advertisements

Nottingham, Reino Unido é o lugar onde Adam Walker cresceu. Durante toda a sua vida, ele sempre gostou de praticar esportes. Durante sua adolescência, Adam se destacou em diferentes esportes, especificamente rugby e críquete. Todo mundo da escola adorava brincar ao lado dele e do seu irmão mais velho. Seu pai, Peter, era o fã número um deles e sempre incentiva os dois garotos.

Infelizmente, as lesões nas costas e nos joelhos fizeram Adam desistir desses esportes e se voltar para a natação – um esporte que ele aprendeu a amar e se destacar. Adam era tão bom em natação que começou a nadar competitivamente. E, embora ainda não estivesse claro para ele, esse esporte serviria como uma experiência para um grande mudança de vida, que ele nunca esquecerá pelo resto da vida.

Advertisements